Casa e casamento no Antigo Testamento

Erhard S. Gerstenberger

Resumo


Este artigo é a síntese dos resultados de um seminário oferecido na EST durante o 1º semestre de 2002. Ele estuda as relações matrimoniais e familiares como se apresentavam e eram vividas na época bíblica. São abordadas, sobretudo, as funções religiosas, sociais e educativas, as cerimônias e as relações conjugais vinculadas à família. Em debate estão os resultados da ciência bíblica sobre esses assuntos, que se mostram até hoje ainda bastante controvertidos. Por fim, procura-se argumentos para fundamentar novas formas de convivência matrimonial e familiar no mundo moderno. O respaldo bíblico para essa busca é dado, em especial, pelo fato de a Bíblia ser flexível em relação a modelos de convivência, não absolutizando nenhum dos diferentes tipos de relacionamentos. O que importa é, portanto, não absolutizar também hoje certos modelos de parceria, mas procurar vivenciá-los de tal maneira que possam expressar e refletir algo do amor divino em nosso meio.

Palavras-chave


Família no Antigo Testamento; Casamento no Antigo Testamento

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/et.v42i1.609

Direitos autorais



 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 0101-3130 (impresso) ISSN 2237-6461 (eletrônico)


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400