A prática da Confirmação entre Anglicanos Brasileiros: Incoerências e desafios

Luiz Carlos Teixeira Coelho Filho, J. Neil Alexander

Resumo


Este artigo busca discutir a natureza e a origem da Confirmação no anglicanismo e como tal tradição foi transferida às pessoas anglicanas no Brasil. Também enfatiza algumas inconsistências que surgiram da dicotomia entre os ensinamentos oficiais e novas teologias do Livro de Oração Comum, e práticas corriqueiras, as quais ainda são influenciadas por costumes antigos e pela prática de igrejas cristãs maiores. Por fim, algumas propostas são apresentadas, de modo a guiar liturgistas, comissões e sínodos à medida que a Igreja Episcopal Anglicana do Brasil (IEAB) segue adiante no discernimento do significado do Batismo como iniciação plena e do papel da Confirmação como endosso de tal visão.

Palavras-chave


Confirmação; Anglicanos; Brasil; Desafios;

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/et.v59i2.3541

Direitos autorais 2019 Luiz Carlos Teixeira Coelho Filho, J. Neil Alexander

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 0101-3130 (impresso) ISSN 2237-6461 (eletrônico)


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400