A diaconia/caritas moderna: a teogapia institucionalizada

Helio Aparecido Campos Teixeira

Resumo


Introdução: A teoagapia se constitui num corpo de abordagens hermenêuticas acerca do amor de Deus que encerra abordagens interdisciplinares, passando do campo estritamente teológico às teorias dos imperativos morais, da dádiva e da personalidade, além de seus refl exos nas teorias contemporâneas do serviço social. Objetivo: Considerar as significações da teoagapia pela ótica de sua institucionalização a partir do século XIX, inicialmente na Europa, elaborada no enfrentamento da assim chamada questão social. Métodos: Pesquisa histórico-sistemática, de caráter exploratório, com orientação analítico- -descritiva. Resultados: Partindo da constatação histórico-sociológica, uma teoagapia surge como um conceito hermenêutico apropriado para a avaliação da constituição das práticas sociais cristãs como organizações vinculadas às situações de escassez, seja ela material ou espiritual. Conclusão: Na noção aqui construída teoricamente, a conceituação teoagápica funda-se como epifenômeno teológico e social da gratuidade corporificada na ação social dos grupos eclesiais.

Palavras-chave


Diaconia; Caritas; Teoagapia; Modernidade.

Texto completo:

PDF (Português)


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/et.v55i2.2580

Direitos autorais



 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 0101-3130 (impresso) ISSN 2237-6461 (eletrônico)


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400