A importância da espiritualidade para a formação teológica: um aporte teológico-pastoral

Lothar Carlos Hoch

Resumo


O presente artigo enfatiza que a formação teológica não pode prescindir do estudo e da pesquisa acadêmica e do uso da razão científica. No entanto, para evitar que a teologia permaneça um mero exercício intelectual, a formação teológica precisa contemplar o cultivo da espiritualidade. Ou seja, a boa teologia é devedora tanto à razão (racionalidade da fé), quanto à busca pela mediação da experiência da ação salvífica de Deus na história (mística da fé).


Palavras-chave


Fé e razão; Formação teológica; Teologia pastoral; Espiritualidade

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/et.v49i1.190

Direitos autorais



 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 0101-3130 (impresso) ISSN 2237-6461 (eletrônico)


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400