Uma mulher marcada pela opressão e pela ternura de Deus: análise e interpretação de Lucas 13.10-17

Erika Pereira Machado, Ivoni Richter Reimer

Resumo


O artigo apresenta uma investigação e interpretação da narrativa bíblica de uma das curas de Jesus, narrada em Lucas 13.10-17. Elabora alguns referenciais teóricos para análise de textos bíblicos que tratam de doença e processos terapêuticos. No caso específico, analisa as condições de uma mulher encurvada que é apresentada em contexto sinagogal sabático e ali entra em processo de relação de cura com Jesus. O resultado da cura, como em outros relatos desse gênero literário, é o louvor a Deus realizado pela mulher agora com semblante erguido e corpo ereto e a reação por parte de quem vê e ouve o que foi narrado.


Palavras-chave


Doença; Cura; Corporalidade; Hermenêutica

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/et.v51i1.182

Direitos autorais



 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 0101-3130 (impresso) ISSN 2237-6461 (eletrônico)


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400