O processo conciliar de mútuo compromisso (pacto) para justiça, paz e integridade da criação

Gerhard Tiel

Resumo


Este "processo conciliar" representa um pacto ecumênico, surgido a partir da Assembleia Geral do Conselho Mundial de Igrejas, realizada em Vancouver, 1983. Ao contrário do que ocorreu em muitas igrejas e grupos de todo o mundo, a adesão a este "processo conciliar" é ainda fraca no Brasil. O autor procura em seu artigo detectar as causas para esta fraca ressonância, descreve a história e os interesses teológicos deste movimento ecumênico, perguntando, em seu final, pela contribuição específica do ecumenismo latino-americano neste processo.

Palavras-chave


Movimento ecumênico na América Latina; Conselho Mundial de Igrejas; Justiça; Paz; Criação

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/et.v28i2.1157

Direitos autorais



 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 0101-3130 (impresso) ISSN 2237-6461 (eletrônico)


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400