O teólogo e a teóloga como intelectuais orgânicos: construção de uma esperança ativa

Leonardo de Brito Aurélio, Claudete Beise Ulrich

Resumo


A atuação dos/as intelectuais orgânicos na luta por um novo projeto de sociedade, se faz imprescindível para sua eficaz concretização. Dada a importância dos/as intelectuais orgânicos em superar a relação de poder-dominação nas mais diversas camadas que estruturam a sociedade, como se dará a atuação do/a teólogo/a como intelectual orgânico? Tendo em vista a opressão e a desigualdade como fruto do capitalismo globalizado e este favorecendo a hegemonia dos ricos, cujo domínio se dá por sua permanente influência política, econômica e cultural, percebe-se no/a teólogo/a, tendo como referencial a teologia da libertação, alguém capaz de enfraquecer esse poder à medida que surge para assessorar os grupos excluídos e vulneráveis, despertando-os à luz do Evangelho para a construção de um novo mundo.


Palavras-chave


teólogo/a, intelectual orgânico, teologia da libertação, religião e sociedade

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/nepp.v43i2.3188

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários


Direitos autorais 2018 Protestantismo em Revista

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 1678-6408


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400