A autoria de Hebreus: a sobrevida acadêmica da Hipótese Paulina

Isaac Malheiros

Resumo


A autoria de Hebreus provocou um debate que começou nos primeiros anos da igreja cristã, diminuiu entre os séculos V e XV, renasceu durante a Reforma do século XVI, e perdura até hoje. O objetivo central desse artigo é, através de uma pesquisa bibliográfica, demonstrar que a antiga sugestão de que Paulo é o autor de Hebreus não está completamente descartada, tendo recentemente ganhado renovada sobrevida na academia. Este artigo não fará uma análise pormenorizada dos argumentos favoráveis ou contrários à autoria paulina, mas uma exposição histórica dessa proposta, com ênfase em suas defesas mais recentes.


Palavras-chave


Epístola aos Hebreus; Autoria de Hebreus; Autenticidade de Hebreus

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/nepp.v43i2.3052


Direitos autorais 2018 Protestantismo em Revista

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 1678-6408


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400